Vandalismo contra patrimônio público causa prejuízo ao município

Vandalismo contra patrimônio público causa prejuízo ao município
Em menos de uma semana após a troca da iluminação comum por Led no Jardim CECAP, uma lâmpada foi destruída, aparentemente por uma pedra.
 
Depredar o patrimônio público é crime de acordo com a Lei 9.605 Art. 65, e pode gerar detenção de três meses a um ano, e multa. Lembrando que vandalismo é a ação de destruir ou danificar uma propriedade alheia de forma intencional. Ou seja, não só quebrar, mas, pichar, descascar ou qualquer outra forma que cause estrago é sim considerada prática criminosa.
 
A Prefeitura lamenta o ocorrido e ressalta que é papel do órgão cuidar do patrimônio público, realizar manutenções periódicas e obras de revitalização. No entanto, é responsabilidade do povo manter e não depredar o que foi feito, além de fiscalizar e denunciar casos de vandalismo. Uma das causas das depredações é a falta de consciência da própria população em não cuidar daquilo que é seu.
Faça a sua parte e denuncie!