Detalhes da Notícia

Voltar para a Página Principal

Diretoria de Meio Ambiente divulga programação da Semana da Água

A Semana da Água será comemorada pela Diretoria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo de Novo Horizonte entre os dias 20, 21, 22 e 23 de março de 2018. Em todos esses dias, será realizada uma programação especial com direito a palestras, visitas técnicas e atividades na represa municipal.

 

Confira a agenda e participe:

 

20/03

 

9h00 e 14h00: Palestra sobre “Saneamento Básico”; Palestrante: Gilberto Ribeiro, da Sabesp;

 

9h00 e 14h00: Palestra sobre “A Importância da água no meio ambiente”; Palestrante: Jairo Ferraz Sampaio, Diretor Adjunto de Meio Ambiente;

 

Local: Centro de Educação Walter de Biasi Filho (Rua 28 de Outubro, nº 447, centro).

 

21/03

 

9h00: Soltura de alevinos na Lagoa Municipal do Jardim Itapuã;

 

14h00: Palestra sobre a “Estação de Tratamento de Água da Usina Santa Isabel”; Palestrante: Ricardo Cavalini, Gestor Ambiental da Usina Santa Isabel;

 

22/03

 

9h00 e 14h00: Palestra sobre “Captação e Reuso da Água”; Palestrante: Roberto Silva, Gestor Ambiental da Usina São José da Estiva;

 

23/03

 

9h00: Visita ao Haras Big Horse;

 

10h00 e 15h00: Pintura Artística com Rodney do Valle (Diretor Municipal de Cultura) e Maristela Glad (Diretora Adjunta de Cultura); Tema: Água.

 

14h00: Palestra sobre Água: Muito além do “pagar a conta”; Palestrante: Dra. Mariângela Alves, Bióloga e Doutora em Agronomia.

                   

Sobre o Dia da Água                                          

 

O dia 22 de março é marcado anualmente como o Dia Mundial da Água, data destinada principalmente a discutir os temas relacionados a esse importantíssimo e necessário bem que a natureza nos dá e que é tantas e tantas vezes relegado a planos inferiores entre aqueles que são necessários à vida.

 

Segundo recomendações da Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, os países membros da ONU devem promover atividades no dia para promover a conscientização sobre a necessidade de preservação de recursos hídricos, destacando a importância da água para a sobrevivência humana e para a manutenção da saúde.

 

Para marcar a necessidade da preservação da água potável, é necessário saber que, embora um terço da superfície da Terra seja de água, apenas 0,008% dela é potável, servindo para o consumo humano, contando seu uso para ingestão, higiene e até para a crescente industrialização no mundo todo.

 

O Brasil concentra uma quantidade maior da água potável disponível, cerca de 12% dela, mas ainda falta muita vontade política para sanar os problemas que envolvem a utilização desse precioso bem. Nota-se isso nos esgotos, muitas vezes jogado a céu aberto e em sua maioria despejados nos rios sem qualquer tratamento, nas empresas fornecedoras de água potável e sua falta de cuidado com o desperdício e na consciência das pessoas para uma utilização racional.

 

De acordo com a Diretoria Municipal de Meio Ambiente, dicas importantes ajudam as pessoas a economizarem água, principalmente em casa, como por exemplo:

 

Periodicamente feche o registro e verifique se continua contando o relógio, para detectar vazamentos. Uma gota vazando por segundo são 30 litros de água desperdiçadas por dia;

 

Coloque arejadores nas torneiras e chuveiros, assim aproveita-se melhor a água e reduz o consumo; Diminua o tempo debaixo do chuveiro. E não esqueça de fechar a torneira ao se ensaboar. Uma ducha rápida em vez de um banho pode economizar até 150 litros;

 

Aproveite a água da chuva, para uso não potável, podendo ser usada em lavagem de quintal, rega das plantas, e até em descargas;

 

Adote o hábito de usar a vassoura, e não a mangueira, para limpar a calçada e o quintal da sua casa. A mangueira ligada por 15 minutos gasta cerca de 280 litros de água;

 

Adote descarga de caixa acoplada no vaso sanitário (todas fabricadas a partir de 2001 utilizam 6 litros de água). O vaso sanitário com a válvula e tempo de acionamento de 6 segundos gasta cerca de 15 litros. Quando a válvula está defeituosa, pode chegar a gastar até 30 litros;

 

Outra alternativa é adaptar a válvula de descarga convencional já existe um sistema chamado “dual flush”, que tem dois botões de acionamento (um para a líquidos e outro para a descarga de sólidos) Esse produto permite uma economia de cerca de 30% em relação aos modelos convencionais;

 

Mantenha um balde no chuveiro para armazenar a água que corre até que atinja a temperatura adequada. Use essa água para lavar o banheiro, na descarga ou para regar as plantas. Conheça um equipamento inovador que utiliza esse conceito;

 

Verifique a necessidade de reparos nos equipamentos hidro sanitários. Por exemplo; um vaso sanitário que continua vazando mesmo depois de esvaziar, e se o vazamento for muito grande, pode desperdiçar até 200 mil litros de água em um ano;

 

Reaproveite a água do segundo enxágue das máquinas de lavar roupa e louça, logo utilize para regar as plantas, ou lavar quintais; Planeje as lavagens.  As máquinas de lavar roupa e louça, só devem ser ligadas quando estiverem completamente cheias;

 

Feche a torneira ao escovar os dentes e fazer a barba, essa atitude pode economizar até 10 litros de água por cada uso;

 

Lave a louça de maneira consciente. Limpe os restos de comida dos pratos e panelas com esponja e sabão antes de abrir a torneira. Ensaboe tudo que tem que ser lavado e, então, abra a torneira novamente para novo enxague. Utilize detergentes ecológicos, sem fosfato;

 

Escolha plantas como cactos e suculentas para seu jardim, consomem menos água e dão muito menos trabalho, além de não exigir uso de produtos químicos para sua manutenção. A escolha de planta nativas também é uma boa opção;

 

Regue o jardim a noite para evitar perdas por evaporação, e dê preferência aos regadores, em vez da mangueira;

 

Evite  lavar o carro; quando for necessário, encha um balde de água e use uma esponja, assim poderá economizar até 300 litros de água. O ideal é não lavar o carro em época de estiagem;

 

Evite desperdiçar a água da piscina. Piscinas grandes devem ter a água tratada para evitar a troca, e devem ser cobertas com lona se não estiver em uso para evitar a evaporação. O aconselhado é manter a linha d’água 10 a 15cm abaixo do nível das margens para evitar transbordamento;  

 

Não deixe transbordar a água da caixa d’água, e mantenha-a tampada;

 

Não jogue óleo de fritura na pia, um litro de óleo pode contaminar até 400 mil litros de água e é muito nocivo ao meio ambiente. O óleo deve se depositado em um ponto de recolhimento, alguns supermercados tem esses pontos no estacionamento;

 

Vaso sanitário não é lixo! Não jogue papel no vaso, nem qualquer outro objeto, e nunca acione a descarga à toa.

 

Diretoria de Comunicação

Mais Notícias

  • 23/05/2018

    Saúde Feminina: Seis exames preventivos que toda mulher precisa fazer

    A prevenção é uma das melhores maneiras de se manter sempre saudá...

    Ver notícia completa
  • 23/05/2018

    Empresa vence licitação para recape de ruas

    A Prefeitura de Novo Horizonte divulgou o nome da empresa que ven...

    Ver notícia completa
  • 22/05/2018

    Sinal analógico será desligado em Novo Horizonte, em novembro

    O sinal analógico em Novo Horizonte será definitivamente desligad...

    Ver notícia completa