Detalhes da Notícia

Voltar para a Página Principal

DENGUE, CHIKUNGUNYA E ZIKA - TUDO QUE VOCÊ PRECISA SABER

À exceção da dengue, mais conhecida por aqui, os nomes das novas patologias espantam e geram muitas dúvidas, inclusive na diferenciação entre elas. Para tentar esclarecer os mitos sobre essas doenças, buscamos informações do Ministério da Saúde, fonte confiável na caracterização dos sintomas, forma de transmissão e prevenção de cada uma delas.

Obviamente, procurar orientação médica sempre é a medida necessária para o tratamento destas e quaisquer doenças:

 

DENGUE: Transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença viral que se espalha rapidamente no mundo.

SINAIS E SINTOMAS: A infecção por dengue pode ser assintomática ou causar doença cujo a ameaça inclui desde formas brandas até quadros graves com choque com ou sem hemorragia, podendo evoluir para o óbito.

Normalmente, a primeira manifestação da dengue é a febre alta (39° a 40°C) de início repentino que geralmente dura de 2 a 7 dias, acompanhada de dor de cabeça, dores no corpo e articulações, prostração, fraqueza, dor atrás dos olhos, erupção e prurido na pele. Perda de peso, náuseas e vômitos são comuns. Nessa fase febril inicial da doença pode ser difícil diferenciá-la de outras doenças febris, por isso uma prova do laço positiva aumenta a probabilidade de dengue.

No período de diminuição ou desaparecimento da febre, geralmente entre o 3º e 7º dia da doença alguns casos irão evoluir para a recuperação e cura da doença, porém outros podem apresentar sinais de alarme, evoluindo para forma graves da doença.

A forma grave da doença inclui:

 

o    Dor abdominal intensa e contínua, ou dor a palpação do abdomen

o    Vômitos persistentes

o    Acumulação de líquidos (ascites, derrame pleural, pericárdico)

o    Sangramento de mucosas

o    Letargia ou irritabilidade

o    Hipotensão postural (Lipotímia)

o    Hepatomegalia maior do que 2 cm

o    Aumento progressivo do hematócrito

 

CHIKUNGUNYA: É uma doença infecciosa febril, causada pelo vírus Chikungunya (CHIKV), que pode ser transmitida pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus. “Chikungunya” significa “aqueles que se dobram”.  Refere-se à aparência curvada dos pacientes que foram atendidos na primeira epidemia documentada.

SINAIS E SINTOMAS: Febre acima de 39 graus, de início repentino, e dores intensas nas articulações de pés e mãos – dedos, tornozelos e pulsos. Pode ocorrer, também, dor de cabeça, dores nos músculos e manchas vermelhas na pele.

ZIKA: É uma doença viral aguda, transmitida principalmente por mosquitos, tais como Aedes aegypti

SINAIS E SINTOMAS: Caracterizada por erupções na pele que causam bolhas, febre intermitente, hiperemia conjuntival não purulenta e sem prurido, dor nas articulações, dores musculares e dor de cabeça e menos frequentemente, edema, dor de garganta, tosse, vômitos e haematospermia (emissão de sêmen sanguinolento). Apresenta evolução benigna e os sintomas geralmente desaparecem espontaneamente após 3-7 dias. No entanto, a dor muscular pode persistir por aproximadamente um mês.

TRANSMISSÃO: O principal modo de transmissão no caso dessas três doenças é através da picada do mosquito Aedes aegypti.

PREVENÇÃO: As medidas de prevenção e controle da chikungunya e da Zika são semelhantes às da dengue. Não existem medidas de controle específicas direcionadas ao homem, uma vez que não se dispõe de nenhuma vacina ou drogas antivirais.

Mais Notícias

  • 21/11/2017

    Carreta Móvel do Hospital de Câncer de Barretos estará em Novo Horizonte

    A Carreta Móvel de Prevenção do Hospital de Câncer de Barretos es...

    Ver notícia completa
  • 20/11/2017

    Diretoria de Esportes oferece vôlei adaptado para a Terceira Idade

    Diretoria de Esportes oferece vôlei adaptado para a terceira idad...

    Ver notícia completa
  • 20/11/2017

    Vândalos destroem luminárias do Coreto da Praça da Fonte

    Aproximadamente 11 luminárias do Coreto Municipal “Aparecido Soar...

    Ver notícia completa